11 3284-2111
Entrevistas Publicado em 5 de novembro de 2021

Um ano de PIX

um-ano-de-pix

Um sistema inicialmente que gerou desconfiança de muitos hoje passa a ser utilizado por todos.

O PIX, a partir de então, passa a ser uma forma mais moderna de transferência de valores, semelhante à TED e o DOC (esse o mais antigo), mas muito mais versátil e eficiente.

A TED detinha um formato que se sincroniza com o tempo, mas era moderna e desburocratizante, contudo praticamente sucumbiu ao PIX que para o momento atual detém uma combinação com o desenvolvimento da sociedade.

Por outro lado, o PIX também não perdurará por muito, ele é o degrau para algo ainda mais avançado, qual seja, o fim da moeda física e a não necessidade de pagamentos dependentes de instituições financeiras.

Hoje, os bancos dispõe de todo o aparato, monopólio e regulamentos que nos obriga a manter nosso dinheiro em contas bancárias ou similares, porém, no futuro não muito distante não será assim.

Esperemos para ver como será…

Acesse o link e ouça o assunto abordado na Rádio CBN com nossos comentários.

Antonio Carlos Morad – Advogado titular na Morad Advocacia Empresarial

 

Entre em contato conosco teremos muito prazer em atendê-lo.

 Acesse Nossa Página no Facebook

Gostou dessa postagem? Acesse a postagem anterior sobre

“A prática de stealthing no direito penal brasileiro